Pages

terça-feira, 23 de julho de 2013

Primeiro post

Oi :)

Bom, meu nome é Isabella. Na verdade eu criei o blog mais com a intensão de poder desabafar. Um diário onde todos que apoiam a ana e a mia ou pelo menos respeitam são bem vindos. Eu me uni a Ana e a Mia a mais ou menos três meses. Eu cai na bobagem de contar para alguns amigos sobre ela, e agora eles acham que estou doente. Na minha cabeça não estou doente. Apenas resolvi viver de uma forma diferente, algo que me deixasse feliz. E que mal tem nisso? Que mal tem em ser feliz? A vida inteira as pessoas me chamaram de gorda e ninguém se importava. Ai quando resolvo mudar isso, todo mundo fica procupadinho? Ah para né?!
Na vida cada um faz suas escolhas e eu fiz as minhas. Resolvi que terei um estilo de vida que me faça magra oque me deixa feliz. Muito feliz. 
Na verdade eu "sigo" mais a mia do que ana. Porque muitas vezes acabo caindo na tentação de comer. Mas agora voltei a seguir minhas dietas a risco. Não quero tropeçar uma só vez se quer.
O difícil de quando você se acostuma com a Mia, é que qualquer coisinha que você come. Já bate aquele enorme peso na consciência e já da aquela vontade incontrolável de miar tudinho. Mesmo que seja legumes, frutas, não importa. Tudo engorda. Tudo! 
Alguns querem que eu procure tratamento médico. Já acho que não preciso disso. Posso parar a hora que quiser. Outros querem que eu conte pra minha mãe. Mas eu não posso fazer isso, ela iria ficar muito chateada comigo. Talvez até triste. E se tem uma coisa que eu acho que eu não aguentaria é isso, decepcionar as pessoas. 
A  minha vida inteira foi assim. Sempre fiz de tudo para agradar a todos, e quando digo todos, é todos  mesmo. As vezes por causa disso eu caio em confronto comigo mesma, afinal as pessoas tem opinião diferentes e eu sempre sempre quis agradar a todos. 
Foi esse ano que resolvi agradar a mim mesma, escolhi ser magra.  E quando eu escolho ser feliz as pessoas vêem e  querem tirar isso de mim? Ah mais nem pensar. Ana e  mia. sempre. Doí as vezes, mas oque se constrói sem sacrifícios? Nada. Nada se constrói sem sacrifício.
Ao mesmo tempo eu quero que me larguem, para que eu possa fazer oque eu quero. Mas, ao mesmo tempo quero que  não desistam de mim!

3 comentários:

  1. Oi bela, tudo bem? Já estou te seguindo querida, as meninas aqui são bem receptíveis, dão muita força quando precisamos e venho te oferecer meu apoio e amizade.
    Lendo seu post eu lembrei de um trecho de um livro, que diz assim:
    "(...) farei o possível para não amar demais as pessoas, sobretudo por causa das pessoas. Às vezes o amor que se dá pesa, quase como uma responsabilidade na pessoa que o recebe. Eu tenho essa tendência geral para exagerar, e resolvi tentar não exigir dos outros senão o mínimo. É uma forma de paz." C.L

    Quando você diz que sempre tenta agradar todo mundo, eu me identifiquei muito. Sou sempre assim, e as vezes não recebo retorno.

    Vai ser ótimo acompanhar sua história, e espero que você fique bem!

    Beijos, Lui.

    ResponderExcluir
  2. Muito obrigada pelo apoio. Adorei o trecho do livro realmente me identifiquei muito. Obrigada. Bjs

    ResponderExcluir
  3. Oi Isa , então eu estou vivendo a mesma situação que voce vivia , só que já estou de saco cheio das pessoas me falarem que estou gorda . sabe ja fiz muita dieta e não resolveu então decidi miar , só que eu não consigo trava não sai ,eu queria ajuda pra miar ,.
    eu preciso provar que eu posso ser magra . me ajuda please ,.

    ResponderExcluir